Quem Somos  |  Produtos e Serviços  |  Presidente  |  Nossos Escritórios  |  Contato
 
Notícias
Eventos
Clipping
 
 
Principal
Áreas de Atuação
Jurisprudência/Casos de Sucesso
Esportes
Doutrinas e Artigos
Informativo Tributário
Notícias
Clipping
Eventos
Publicações
Representantes
Área Restrita
 
 
Pesquisar
 
 
 
Preços e demanda por armas estão em alta nas lojas - 16/01/2019
Aumento do estoque, elevação dos preços de fábrica e expectativa de aquecimento do mercado. Este é o cenário do comércio de armas e munições em Belo Horizonte após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) assinar o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. A reportagem do Estado de Minas visitou lojas situadas no Hipercentro da capital e nas duas a aposta é na possibilidade de ampliação das vendas nos próximos dias. Contudo, os empresários do ramo ainda falam na expectativa, já que o decreto foi assinado ontem. “Na verdade, aumentou a procura, mas as vendas ainda não. Há uma esperança de crescimento das vendas com a assinatura do decreto”, afirmou Renato Domingues, gerente da Casa e Pesca Mário, localizada na esquina entre as ruas Rio Grande do Sul e Tupinambás.

De acordo com Túlio Chiari, proprietário da Casa dos Pescadores, na Avenida Paraná, as mudanças aprovadas pelo governo federal já refletiram no preço de venda da empresa Taurus, a principal indústria bélica do país. “Havia dois anos que a Taurus não alterava preço, justamente pela demanda restringida que havia no mercado interno. Ontem (segunda-feira), eles já voltaram com um novo reajuste”, disse o empresário.

Segundo Renato Domingues, só neste ano, a venda de armas dobrou em sua loja. Contudo, a ascensão diz respeito à formatura recente de policiais militares e à procura de policiais civis, agentes penitenciários e guardas municipais. Para ele, o decreto de Bolsonaro pode melhorar ainda mais o cenário. “Eu tripliquei meu estoque já esperando pelo aumento. Atualmente, tenho cerca de 30 armas na loja e trabalhava com aproximadamente 10 antes”. Na Casa dos Pescadores, a administração optou por aguardar a reação do mercado antes de aumentar a reserva. Contudo, há a possibilidade de acréscimo.

Quanto aos modelos, as duas lojas trabalham com pistolas calibre .380 e revólveres 38, os permitidos pela legislação. “A procura maior é por pistola, pela capacidade maior de tiros. O revólver armazena de cinco a oito munições, enquanto a pistola vai de 15 a 20”, explica Domingues. Segundo ele, os preços na Casa e Pesca Mário estão na faixa de R$ 3 mil para o modelo mais compacto. Quanto às pistolas, os valores variam entre R$ 4,5 mil e R$ 6,5 mil. As quantias no outro estabelecimento ouvido estão no mesmo patamar: R$ 3,2 mil para a arma mais simples e R$ 5 mil para o equipamento com maior poder de armazenamento.

Munição Os estabelecimentos também vendem munições aos interessados. Neste caso, cada cidadão com direito à posse pode comprar 50 balas por ano, de acordo com a legislação. As lojas comercializam cartelas com 10 projéteis cada. Os preços, nas duas casas, estão em torno de R$ 60 – independentemente do calibre.

Com o decreto assinado pelo presidente, o cidadão brasileiro poderá guardar o equipamento na residência ou no estabelecimento comercial de que seja dono. Andar com o armamento nas ruas, o porte de armas, continua proibido. Já os pré-requisitos continuam os mesmos: ter mais de 25 anos, apresentar declaração de bons antecedentes e passar pelo curso de tiro e pelo teste psicotécnico.



Fonte: Estado de Minas
<< Voltar
Édison Freitas de Siqueira Advogados Associados S/S - OAB/RS 22.136 - OAB/SC 22.281-A - OAB/GO 28.659-A - OAB/MG 92.047 - OAB/RJ 2.541-A - OAB/SP 17.2838-A - OAB/DF 2.074-A - OAB/MT 10.305-A - OAB/BA 23.016
A Ordem dos Advogados de Portugal - OAP/Lisboa 21.530L
Todos os direitos reservados © 2008
CA 91362
English version
Nosso trabalho e história profissional estão disponibilizados nesta página. Nossas atividades profissionais são reguladas pela Lei Nº 8906, de 04/07/1994, razão pela qual as nossas informações serão disponibilizadas mediante a comprovação de vosso efetivo interesse demonstrando a opção e a vontade de entrar no nosso site.